Curta nossa Página no Facebook
Cardápio da semana

Segunda-feira


Terça-feira


Quarta-feira


Quinta-feira


Sexta-feira



Dicas de nutrição
Alergia a proteína do leite

Para identificar se o bebê tem alergia à proteína do leite de vaca, deve-se observar o aparecimento de sintomas após tomada do leite, que normalmente são vermelhidão e coceira na pele, vômitos fortes e diarreia.

Apesar de também poder surgir em adultos, a alergia ao leite normalmente inicia durante a infância e tende a desparecer após os 4 anos de idade. Mal surjam os primeiros sintomas, deve-se procurar o pediatra para fazer o diagnóstico da doença e iniciar o tratamento para não prejudicar o crescimento da criança.

Quais os sintomas de APLV

Dependendo da gravidade da alergia, os sintomas podem surgir alguns minutos, horas ou mesmo dias após a ingestão de leite. Nos casos mais graves, até o contato com o cheiro do leite ou com produtos de cosmética que têm leite na composição podem fazer surgir os sintomas, que são:

  1. Vermelhidão e coceira na pele;
  2. Vômito em forma de jato;
  3. Diarreia;
  4. Fezes com presença de sangue;
  5. Prisão de ventre;
  6. Coceira ao redor da boca;
  7. Inchaço dos olhos e lábios;
  8. Tosse, chiado ou falta de ar.

Como a alergia à proteína do leite de vaca pode causar diminuição do crescimento devido à má alimentação, é importante procurar o médico na presença desses sintomas.

Como é feito o diagnóstico

O diagnóstico da alergia ao leite de vaca é feito a partir do histórico dos sintomas, do exame de sangue e do teste de provocação oral, em que é dado leite para criança tomar para avaliar o aparecimento da alergia. Além disso, o médico também pode pedir para retirar o leite da dieta da criança para avaliar a melhora dos sintomas.

Também é importante lembrar que o diagnóstico da alergia ao leite pode demorar até 4 semanas para ser feito, pois depende da gravidade da alergia e da velocidade que os sintomas surgem e desaparecem.



Receitas

    Biscoito sem lactose de chocolate

    Ingredientes:

    • 50 gramas de azeite;
    • 50 gramas de açúcar demerara;
    • 50 gramas de cacau em pó sem açúcar;
    • 100 gramas de farinha de trigo;
    • 1 ovo;
    • 1 colher de sopa rasa de fermento em pó;
    • 1 colher de sobremesa de essência de baunilha.

    Modo de preparo:

    Em uma tigela bata os ovos e o açúcar até que fiquem espumosos. Adicione o azeite aos poucos batendo sem parar com ajuda de um fouet. Adicione a essência de baunilha e misture suavemente. Então adicione as farinhas, o chocolate e, por último o fermento misturando tudo até incorporar. Sove com as mãos até formar uma massa homogênea e começar a despregar das mãos. Abra essa massa em uma superfície plana e enfarinhada e cortar os biscoitos no formato e tamanho desejado. Disponha os biscoitos em uma assadeira de silicone ou coberta com papel vegetal e leve ao forno médio por 15 minutos ou até dourar. Espere amornar e sirva. Guarde em compotas fechadas.